Blog do escritor: http://poesiasniilistas.blogspot.com.br/
ESPAÇO NIILISTA - THOR MENKENT
"... ao primeiro choro, já nascemos condenados à nossa humana abnormidade!"
CapaCapa
TextosTextos
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


OBSCUROS REFÚGIOS

Há dias em que,
como a querer (e como se possível fosse)
me desexistir, disto-me da comum
estrada

e me obscureço
em cada pensamento,
em cada palavra e em cada gota
de sonho ou de insanidade
derramados:

nesses dias,
até minhas poesias se tornam demasiado negras,
tais quais as soturnas sombras
em que (vanamente)
me abrigo.
Péricles Alves de Oliveira (Thor Menkent)
Enviado por Péricles Alves de Oliveira (Thor Menkent) em 07/05/2015

Música: -

Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

BLOG DO AUTOR http://poesiasniilistas.blogspot.com.br/ LIVROS A VENDA http://www.bookess.com/profile/menkent/books/ ______________ Todos os poemas deste autor são registrados no ISBN. Plágio é crime.